Imobiliárias Net
 
Tipo:
Finalidade:
Cidade:
Código:
ATENDIMENTO
(16) 98831-9969 - WhatsApp atendimento 24 horas via fone
luciano@imoveisdesaocarlos.com.br
Bom Dia, hoje é dia 27 de Janeiro de 2021 - São Carlos / SP
luciano@imoveisdesaocarlos.com.br
Apartamento
Cobertura
Minha Casa Minha Vida
Casa
Casa em Condomínio
Sobrado
Sobrado em Condomínio
Terreno
Terreno em Condomínio
Terreno Comercial
Oportunidade para Investidor
Área
Chácara
Chácara Condomínio
Sítio
Fazenda
Salão Comercial
Sala Comercial
Galpão
Motel
 
Apartamento
Sobrado
Busca personalizada
Programa Minha Casa Minha Vida e Programa Casa Paulista
Dados da cidade de São Carlos/SP
Serviços prestados
Tabela de Honorários de Avaliação Imobiliária
Tabela de Honorários de Corretagem Imobiliária
Prêmio por indicação
Frases e Pensamentos
Humor
Notícias
Links Úteis
Parceiros
 Newsletter
Cadastre seu e-mail e receba novidades exclusivas.
6303 Repita ao lado:
redesp_instagram.png
» Notícias  
19/10/2020
Justiça
DONO DE IMÓVEL NÃO RESPONDE POR ACIDENTE COM PEDREIRO AUTÔNOMO
 

Na existência de contrato de empreitada, utilização de equipamento próprio e pagamento de auxiliares, o proprietário de um imóvel em obra não tem qualquer responsabilidade se algum pedreiro sofrer acidente durante a construção. 

Com esse entendimento, a 3ª Câmara do Tribunal Regional do Trabalho de Santa Catarina (TRT-SC) negou a existência de responsabilidade de proprietário de um imóvel acusado de negligência depois que um pedreiro sofreu acidente enquanto trabalhava na obra. A Justiça do Trabalho entendeu que o trabalhador era responsável pela sua própria segurança, já que, além de ter assinado um contrato de empreitada, ainda atuava na condição de autônomo. 

De acordo com as declarações, o pedreiro foi contratado para reformar as paredes e piso de uma das salas da casa. Porém, durante a montagem de um andaime, o trabalhador perdeu o equilíbrio e caiu de uma sacada. O acidentado não usava nenhum equipamento de segurança e teve que ficar um ano e meio afastado de seus trabalhos. 

O advogado do trabalhador argumentou que o acidente apenas aconteceu devido à falta de cuidado do proprietário, que, de acordo com ele, era o responsável pela obra e não forneceu equipamentos de segurança para os pedreiros. Porém, o dono do imóvel contestou e disse que não tinha qualquer tipo de participação no acidente, adicionou que um contrato de empreitada foi assinado pelo profissional, a quem caberia zelar pela segurança de toda a equipe. 

A 1ª Vara do Trabalho de Blumenau julgou o caso, que teve o pedido de indenização por acidente de trabalho indeferido, pois foi considerado que não havia uma relação de subordinação entre as partes. Débora Borges, juíza do trabalho, ressaltou que o pedreiro utilizava equipamento próprio, pagava auxiliares e ainda tinha assinado o contrato de empreitada, condições que não caracterizam a relação de emprego. "Entendo que o reclamante atua, em verdade, como verdadeiro empreiteiro", disse a juíza.

Houve recurso, mas os desembargadores da 3ª Câmara do TRT-SC continuaram com a decisão de primeiro grau, pois entenderam que o trabalhador era responsável pela segurança da obra. Segundo a desembargadora-relatora Quézia Gonzalez, cobrar de pessoas físicas que contratam pequenas obras o mesmo grau de responsabilidade que a lei reserva à empreiteiras não seria razoável, tendo em vista que é o profissional autônomo que tem o conhecimento da atividade profissional. 

"Não se pode exigir do tomador de serviço de pequena empreitada para reforma residencial a fiscalização e o cumprimento das regras de segurança de trabalho nos mesmos moldes da cobrança em face do empregador", justificou a desembargadora, destacando que o proprietário não demonstrou qualquer indício de culpa. Com informações da Secretaria de Comunicação Social do TRT-SC

0000875-76.2018.5.12.0002
Clique aqui para ler o acórdão

 
 
Fonte: Conjur
Outras Notícias
16
08
O que torna a presença do corretor de imóveis indispensável na negociação
[+] saiba mais
19
01
Os imóveis ainda dão dinheiro
[+] saiba mais
16
07
Imóvel em mau estado perde 40% do valor
[+] saiba mais
02
04
Alteração de fachada
[+] saiba mais
20
10
Reforma valoriza preço de imóvel em até 25%
[+] saiba mais
22
04
Compra do primeiro imóvel tem desconto de 50% no registro e escritura
[+] saiba mais
09
06
MPSP firma Termo de Cooperação Técnica com o Creci
[+] saiba mais
02
04
O futuro da população depende do consumo racional da água
[+] saiba mais
28
04
A hora e a vez do teto rebaixado
[+] saiba mais
29
04
Investir em imóveis: veja cuidados a tomar na hora de contratar um corretor
[+] saiba mais
 
Voltar
  • Olá, Como vai?

    10:09

  • Estamos disponíveis para mais informações

    10:09

  • Entre em contato via whatsapp

    10:09

icone-whatsapp 1
  O Corretor  |  Pesquisa Completa  |  Venda seu Imóvel  |  Notícias  |  Links Úteis  |  Parceiros  |  Fale Conosco
(16) 98831-9969 - WhatsApp atendimento 24 horas via fone

LUCIANO VAZZOLER  -  RUA FELIPE SCHIAVONE 269 
PARQUE DOS TIMBURIS - 13569-703, SÃO CARLOS/SP                      
SE HABLA ESPANÕL / SPEAK ENGLISH
CRECI 105923 F = CONSELHO REGIONAL DE CORRETORES DE IMÓVEIS                                                                   

CNAI 10609 = CADASTRO NACIONAL DE AVALIADORES DE IMÓVEIS                                                                                     
EX-RELATOR MEMBRO DA CEFISP (COMISSÃO DE ÉTICA E FISCALIZAÇÃO PROFISSIONAL)  

E-MAILS: luciano@imoveisdesaocarlos.com.br                               
                                      ou
                      
                         v
azzoler@creci.org.br     

Site para Imobiliarias
Site para Imobiliarias